Vale Saúde - Logomarca

Sobre a Vale Saúde

Rede de Atendimento

Blog

Ajuda

Saúde V


Saúde e Bem-estar

Alimentação

Dicas e Curiosidades

Exames

Saúde Mental

Exames

Para que serve o exame PCR (Proteína C reativa)

15 de

janeiro

de 2023

Entenda para que serve o exame PCR (Proteína C reativa)
assinatura vale saúde

Exame de PCR auxilia no diagnóstico de diversas doenças

A proteína C reativa, que também é conhecida pela sigla PCR, é produzida no fígado e geralmente aumenta significativamente quando há algum sinal de infecção ou inflamação no organismo.

O número elevado dessa proteína no sangue ajuda a avaliar a existência de doenças que não são visíveis, como a apendicite. O exame também pode indicar o risco de doenças cardiovasculares.

Muitas pessoas podem confundir o exame da proteína C reativa com o exame de RT-PCR, que ficou muito conhecido durante a pandemia da Covid-19. No entanto, são procedimentos completamente diferentes.

A seguir, vamos falar mais sobre a proteína C reativa, a importância no diagnóstico de infecções e a diferença para o RT-PCR, utilizado nos casos de Covid-19. Confira!

Assine o App da Vale Saúde: Plano Individual por R$ 14,90/mês

Como funciona o exame da proteína C reativa?

Para checar o número de proteína C reativa no organismo, é necessário coletar sangue do paciente. Geralmente o exame é solicitado quando o médico identifica sinais de um quadro de infecção, que podem incluir sintomas como:

  • Febre acima de 38ºC
  • Dores no corpo
  • Perda de apetite
  • Fraqueza
  • Diarreia e/ou vomito

O exame não requer jejum e é feito normalmente por um técnico de saúde. O sangue é retirado do braço, dura apenas alguns segundos e o paciente é liberado em seguida, podendo voltar normalmente à rotina.

Assine o App da Vale Saúde: Plano Familiar por R$ 21,90/mês

Qual o valor normal da proteína C reativa no sangue?

O valor considerado normal de proteína C reativa é abaixo de 10 mg/L ou 1mg/dL. Os números podem variar um pouco, segundo o laboratório em que foi realizado o exame.

Se valores altos de PCR indicam uma possível infecção, valores abaixo do normal podem ocorrer em pessoas que:

  • Tiveram grande perda de peso
  • Praticam exercícios físicos com frequência
  • Consomem bebidas alcóolicas
  • Fazem uso de alguns medicamentos

O histórico do paciente precisa ser analisado pelo médico, que irá orientar identificar a causa dos números desregulados e orientar o paciente.

Assine o App da Vale Saúde: Pronto Atendimento Online 24h por R$ 49,90

Valores alterados de PCR: o que pode indicar?

O valor elevado do PCR não diz exatamente qual infecção está afetando o organismo. Por isso, o médico precisa avaliar os demais sintomas e, se necessário, solicitar outros exames para fechar o diagnóstico e prescrever o tratamento certo.

Mas, em geral, os seguintes números de PCR indicam doenças como:

  • Entre 1,0 e 10,0 mg/L: pode indicar inflamações ou infecções leves, como gripes e resfriados
  • Entre 10,0 e 40,0 mg/L: pode indicar infecções moderadas ou mais graves, como Covid-19 e outras doenças respiratórias, e catapora
  • Maior que 40 mg/L: pode indicar infecções bacterianas
  • Maior que 200 mg/L: pode indicar uma situação gravíssima de septicemia

O PCR elevado também pode sinalizar doenças crônicas e o risco de desenvolver doenças cardiovasculares com o passar do tempo. Nesse segundo caso, o médico solicita o exame de PCR ultrassensível.

O que é o PCR ultrassensível?

Se o médico quer identificar o risco de o paciente ter doenças cardiovasculares no futuro, como AVC ou infarto, ele solicita o exame de PCR ultrassensível.

Nesse caso, o sangue deve ser coletado com o paciente totalmente saudável, sem que haja qualquer tipo de infecção no organismo. O exame é mais específico que o PCR comum, e consegue identificar valores mais exatos.

Se o paciente estiver saudável e apresentar números elevados de PCR nesse exame, ele corre risco de desenvolver doença arterial periférica , ter um infarto ou um AVC.

O médico vai fazer a orientação, prescrever possíveis remédios e aconselhar sobre a necessidade de ter uma dieta balanceada e realizar exercícios físicos diários.

O que fazer para baixar o nível de proteína C reativa?

A resposta para essa pergunta vai depender do motivo que levou ao aumento da proteína C reativa e os valores da substância no organismo.

Em casos de infecção leve, como gripes e resfriados, geralmente o sistema imunológico se recupera sozinho em poucos dias. Covid-19, sarampo e catapora também são curadas naturalmente.

infecções bacterianas precisam de maior atenção e tratamento com antibióticos. Se os valores forem mais altos que 200 mg/L, indicando uma infecção grave, o recomendado é que o paciente fique internado para receber antibióticos diretamente na veia.

A avaliação médica do exame de PCR é essencial para entender o que está aumentando o nível de proteína C reativa e qual é o melhor caminho para normalizar os números.

Muitas vezes o profissional solicita exames complementares para conseguir diagnosticar corretamente, além de fazer um exame físico clínico e ouvir o histórico do paciente.

É importante lembrar que PCR elevado pode ser sinal de doenças graves, como câncer, que requer diagnóstico e tratamento precoce para garantir maiores chances de cura. Por isso, a avaliação médica é indispensável.

Assine o App da Vale Saúde: Desconto em medicamentos de até 35%

Exame de PCR e RT-PCR: quais são as diferenças?

Como falamos acima, o exame da proteína C reativa é completamente diferente do exame RT-PCR, que identifica doenças como a Covid-19.

A técnica de RT-PCR significa Reação em Cadeia da Polimerase (e não proteína C reativa) e identifica a presença de material genético de microrganismos causadores de condições como Covid-19, Zika, dengue, entre outros.

Esse exame é feito a partir de uma amostra retirada da nasofaringe, região da garganta que fica atrás do nariz e da boca, por meio de um cotonete. Aqui já podemos perceber que é totalmente diferente do exame de proteína C reativa que falamos nesse texto, não é ?

A confusão pode acontecer por conta das siglas, que são as mesmas – mas possuem significados diferentes – e porque o exame de sangue de PCR também consegue identificar a ação do novo coronavírus no corpo.

No entanto, o RT-PCR aponta diretamente a presença do vírus no organismo, enquanto o exame da proteína C reativa apenas diz que há um processo infeccioso em andamento.

Realize exame de PCR e tenha o melhor atendimento na Vale Saúde

Tem interesse em saber o seu nível de proteína C reativa para tratar ou prevenir doenças?

Então saiba mais a respeito das vantagens da Vale Saúde, conheça nossas assinaturas e tenha acesso a exames e consultas com clínicos gerais e médicos especialistas. Acesse nosso portal e fique por dentro!

* Valores de referência em SP Capital, podem variar dependendo do prestador e região do país, mas o valor preciso será informado na solicitação de orçamento e agendamento. Os serviços de saúde são de inteira responsabilidade dos prestadores, sendo a Vale Saúde apenas meio de pagamento e plataforma que conecta o usuário com a rede credenciada. Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

PCR

Proteína C Reativa



vale saúde sempre assinatura post

Escrito por Vale Saúde

A Vale Saúde é uma marca Vivo e oferece serviço de assinaturas com descontos e preços acessíveis para você cuidar melhor da sua saúde.

Posts Relacionados

A marca que salva: saiba tudo sobre a vacina BCG

A marca que salva: saiba tudo sobre a vacina BCG

Há 45 anos prevenindo casos graves de tuberculose no Brasil

Paracetamol: entenda para que serve um dos remédios mais utilizados no Brasil

Paracetamol: entenda para que serve um dos remédios mais utilizados no Brasil

Analgésico é indicado em casos de dores leves, moderadas e febre

Você sabe qual é a diferença entre telemedicina e teleconsulta

Você sabe qual é a diferença entre telemedicina e teleconsulta?

A teleconsulta foi liberada no Brasil apenas em 2020, enquanto a telemedicina já era praticada de várias outras formas, sem que houvesse de fato uma consulta entre médico e paciente

Receba novidades em seu email

Inscreva-se na nossa newsletter

Ao se inscrever, você concorda com os termos de uso, a política de privacidade e em ser contatado por SMS, e-mail e telefone.

Tire suas dúvidas sobre a Vale Saúde na nossa central de ajuda

Vale Saúde - Logomarca
Vivo - Logomarca

A Vale Saúde é uma assinatura e não um plano de saúde.

*Valores de referência em SP Capital, podem variar dependendo do prestador e região do país, mas o preço exato será informado na solicitação de orçamento e agendamento. Os serviços de saúde são de inteira responsabilidade dos prestadores, sendo a Vale Saúde apenas meio de pagamento e plataforma que conecta o usuário com a rede credenciada. Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Copyright © 2022-2023 Vale Saúde. Todos os direitos reservados. CNPJ: 14.336.330/0001-67 | Av. Engenheiro Luis Carlos Berrini, 1.376 - Cidade Moções 04.571-936 – São Paulo/SP – Brasil