Vale Saúde - Logomarca

Saúde V


Saúde e Bem-estar

Alimentação

Dicas e Curiosidades

Exames

Saúde Mental

Top10 Saúde

Saúde e Bem-estar

Dia Nacional de Combate às Drogas e ao Alcoolismo

03 de

março

de 2023

dia nacional de combate-as drogas e ao alcoolismo
assinatura vale saúde

Data é comemorada no dia 20 de fevereiro para alertar riscos sobre consumo de bebidas alcoólicas e drogas

Números apontam para cenários preocupantes de consumo de álcool e drogas em todo o mundo.

Você sabia que o número em relação ao uso de álcool e drogas no Brasil é extremamente preocupante? De acordo com os dados mais recentes da Organização Mundial da Saúde (OMS), 3% da população brasileira maior de 15 anos é alcoolista – o que corresponde a 4 milhões de pessoas.

Já quando o assunto são drogas, segundo o Levantamento Nacional sobre o Uso de Drogas Pela População Brasileira, realizado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) em 2019, 3,2% dos brasileiros usaram algum tipo de substância ilícita nos 12 meses anteriores ao estudo, o que equivale a 4,9 milhões de pessoas.

Entre os jovens, o percentual é ainda mais preocupante: 7,4% dos entrevistados entre 18 e 24 anos consumiram drogas ilegais no ano de 2018.

Além disso, um outro estudo feito pela Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) apontou que 85 mil mortes a cada ano são 100% atribuídas ao consumo de álcool nas Américas.

A ONU (Organização das Nações Unidas) também indica um aumento de mortes por drogas no mundo. Em 2017, 585 mil mortes foram ao consumo de drogas no mundo.

Assine o App da Vale Saúde: Plano Individual por R$ 14,90/mês

Por que o Dia Nacional de Combate às Drogas e ao Alcoolismo é importante?

Com o resultado de todos esses estudos que citamos acima, dá para entender melhor por que ter um dia dedicado ao combate às drogas e ao álcool é tão importante, né?

No entanto, diferente de muitas datas que são comemorativas e alegres, o Dia Nacional de Combate às Drogas e ao Alcoolismo tem como objetivo educar, conscientizar e alertar sobre o risco de usar substâncias ilegais e bebidas alcoólicas em excesso.

O dia 20 de fevereiro também serve para mostrar à sociedade que tanto o alcoolismo, quanto o vício em entorpecentes, são doenças crônicas reconhecidas pela OMS.

A conscientização ainda é importante para que todas entendam que o vício em álcool e drogas é um problema de saúde pública. Isso porque as consequências geradas por essas doenças não impactam apenas o indivíduo viciado, mas sim a sociedade como um todo.

Assine o App da Vale Saúde: Plano Familiar por R$ 21,90/mês

Por que as pessoas usam drogas?

Essa não é uma pergunta simples de responder, principalmente porque cada pessoa é uma pessoa. Temos corpos, mentes, objetivos e personalidades diferentes, então é difícil indicar um motivo que leva uma pessoa a beber em excesso ou usar entorpecentes.

No entanto, a fuga da realidade e a busca por prazer e excitação são alguns dos principais motivos para o uso dessas substâncias.

Algumas pessoas também utilizam drogas para ficarem acordadas, porque precisam trabalhar ou estudar.

De qualquer modo, as drogas geram efeitos psicoativos, que por sua vez causam alterações no funcionamento do cérebro. Essas alterações são agradáveis e prazerosas, podem deixar o usuário relaxado ou mais ativo, mas são extremamente prejudiciais a curto e a longo prazo.

Todas as drogas e o álcool podem levar ao vício. E, nesse estágio, se a pessoa tentar ficar sem utilizar as substâncias, vai experimentar sintomas de abstinência.

Assine o App da Vale Saúde: Pronto Atendimento Online 24h por R$ 49,90

O que é abstinência?

A abstinência acontece quando a pessoa já se tornou dependente química da droga ou do álcool. O usuário passa a ter uma vontade obsessiva de consumir a substância, não consegue controlar as próprias atitudes, e pode largar absolutamente tudo para viver da droga.

Quando fica sem, apresenta sintomas de abstinência, como:

  • Apatia
  • Dores
  • Delírios
  • Irritabilidade e agressividade
  • Confusão mental
  • Vômitos e diarreia
  • Tremores e outras alterações psicomotoras
  • Alterações no sono
  • Aumento ou perda do apetite
  • Falhas na memória
  • problemas de memória
  • Ansiedade
  • Comportamentos compulsivos
  • Estresse
  • Tendências suicidas

O tempo que esses sintomas duram muda de pessoa para pessoa, de acordo também com a substância que é utilizada. Em média, podem durar de 4 a 15 dias, mas em casos mais extremos, podem ultrapassar um mês.

Usuários em crise de abstinência ficam em um estado totalmente atordoado, em que muitas vezes não conseguem responder por si e por seus atos. Por isso, é de extrema importância que não fiquem sozinhos.

A presença de familiares e amigos é importante na recuperação, mas se a pessoa ficar muito violenta, é essencial buscar atendimento de emergência psiquiátrica o quanto antes, para evitar que ela se machuque ou machuque terceiros.

Assine o App da Vale Saúde: Desconto em medicamentos de até 35%

Vício em álcool e drogas tem cura?

Infelizmente não há cura para o vício em álcool e outras drogas. Um dependente químico sempre vai ser doente e, se não buscar ajuda, vai apenas caminhar para a deterioração da sua vida.

O fim de um usuário de álcool e drogas que não busca tratamento é a morte, que pode ocorrer pela violência (muitos ficam agressivos e arrumam brigas), pelo modo de vida (muitos passam a morar na rua e ficam expostos a várias situações perigosas) e pelas doenças.

As principais doenças relacionadas ao uso de drogas são:

Já ao uso de drogas, as principais doenças são:

  • Desnutrição
  • Hepatite alcoólica
  • Cirrose
  • Gastrite
  • Doenças emocionais
  • Comprometimento cerebral

Mesmo que não haja cura para o vício, um tratamento adequado com um psiquiatra ajuda no desenvolvimento de ferramentas para controlar o desejo de usar as substâncias.

No caso de doenças resultantes do vício, a pessoa deve buscar especialistas para tratar cada condição:

São apenas alguns exemplos de especialistas que auxiliam nessas doenças secundárias.

Como se prevenir ao uso de drogas e álcool?

O Dia Nacional de Combate às Drogas e ao Alcoolismo serve para conscientizar pessoas a nunca usarem drogas, porque pode ser um caminho sem volta.

Algumas dicas de prevenção incluem:

  • Saber dizer “não”
  • Ter uma vida saudável
  • Procurar uma rotina balanceada que inclua estudos, trabalho, esportes e lazeres saudáveis
  • Ficar próximo de pessoas que te façam bem e tenha uma rede de apoio
  • Ter boas companhias

Muitas pessoas têm acesso às drogas ainda na adolescência, um período em que somos facilmente influenciáveis. Por isso, o apoio e aconselhamento dos pais é essencial nesse período.

Também é importante prestar atenção no comportamento do filho e nas companhias do seu dia a dia, porque amigos ainda são, infelizmente, a principal porta de entrada para o consumo de álcool e drogas.

Procure ajuda

Na Vale Saúde, você encontra médicos especialistas, incluindo psiquiatras, que podem auxiliar na recuperação do vício de álcool e outras drogas.

Conheça nossas assinaturas e comece a cuidar da sua saúde agora mesmo!

* Valores de referência em SP Capital, podem variar dependendo do prestador e região do país, mas o valor preciso será informado na solicitação de orçamento e agendamento. Os serviços de saúde são de inteira responsabilidade dos prestadores, sendo a Vale Saúde apenas meio de pagamento e plataforma que conecta o usuário com a rede credenciada. Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Dia Nacional de Combate às Drogas e ao Alcoolismo



vale saúde sempre assinatura post

Escrito por Vale Saúde

A Vale Saúde é uma marca Vivo e oferece serviço de assinaturas com descontos e preços acessíveis para você cuidar melhor da sua saúde.

Posts Relacionados

dia internacional da síndrome de asperger

18/02 - Dia internacional da Síndrome de Asperger

Data simboliza campanha de conscientização social a respeito da síndrome que atinge 2% da população

o que é cid

O que é CID (Classificação Internacional de Doenças)

Publicado pela OMS, a CID reúne revisões de doenças por meio de classificação de números e letras

Tabagismo: você sabia que fumar causa mais de 50 doenças?

Tabagismo: você sabia que fumar causa mais de 50 doenças?

Um único cigarro possui mais de 4.720 substâncias e pode causar câncer de pulmão e ataques cardíacos

Receba novidades em seu email

Inscreva-se na nossa newsletter

Ao se inscrever, você concorda com os termos de uso, a política de privacidade e em ser contatado por SMS, e-mail e telefone.