Vale Saúde - Logomarca

Sobre a Vale Saúde

Rede de Atendimento

Blog

Ajuda

Saúde V


Saúde e Bem-estar

Alimentação

Dicas e Curiosidades

Exames

Saúde Mental

Exames

Saiba qual exame detecta labirintite

31 de

março

de 2023

qual exame de sangue detecta labirintite
assinatura vale saúde

Teste otoneurológico e audiometria podem diagnosticar labirintite

Como saber se estou com labirintite?

A labirintite é um problema que compromete o equilíbrio e a audição, pois afeta o labirinto. Ela é caracterizada por vertigem, zumbido no ouvido, náuseas e desequilíbrio.

Os sintomas variam de pessoa para pessoa e podem incluir problemas de equilíbrio, tontura, sensação de movimento ao redor, sensação de desorientação, visão embaçada e sensação de pressão no ouvido.

Se estiver sentindo qualquer um destes sintomas, o paciente deve consultar um médico otorrinolaringologista para o diagnóstico correto.

O tratamento da labirintite geralmente envolve medicações, repouso e exercícios terapêuticos.

Ler mais sobre labirintite: O que é, causas e tratamento

Quais os primeiros sinais de labirintite?

Os primeiros sintomas de labirintite geralmente incluem:

Aos primeiros sinais, é importante procurar um otorrinolaringologista, especialista em ouvido, nariz e garganta, para que sejam feitos o diagnóstico e um tratamento adequado.

Esta doença também pode ser detectada por um neurologista. Para casos de alterações do labirinto, ainda pode ser consultado o especialista de otoneurologia (área da Otorrinolaringologia que se dedica às tonturas e transtornos do equilíbrio corporal e da audição).

Além do diagnóstico clínico, feito com base no relato dos sintomas, o médico pode solicitar exames que ajudem a descartar outros diagnósticos.

Assine o App da Vale Saúde: Plano Individual por R$ 14,90/mês

Qual exame detecta labirintite?

O procedimento mais importante para o diagnóstico de labirintite é o exame otoneurológico, um tipo de exame que testa a função do labirinto, responsável pelo equilíbrio e os sistemas envolvidos para o seu bom funcionamento. Além disso, ele também testa outros elementos ligados ao sistema nervoso.

Mas existem outros exames utilizados que também podem confirmar o diagnóstico de labirintite. Aqui estão eles:

  • Audiometria: esse exame avalia se o paciente está ouvindo bem ou se está com alguma dificuldade na audição. Ele envolve o uso de sons específicos para medir a resposta auditiva em qualquer ou ambos os ouvidos
  • Exame de equilíbrio: esse exame serve para avaliar o equilíbrio corporal e a coordenação motora. No teste, o paciente precisa realizar movimentos específicos, como se sentar, se levantar, andar, se virar, subir e descer escadas, além de outras atividades
  • Teste de Romberg: esse é um teste mais específico, que está relacionado à avaliação do equilíbrio e estabilidade postural do paciente. No teste, o paciente se deita de costas e fica na posição horizontal, com os braços para trás, de olhos fechados e tentando se equilibrar
  • Tomografia computadorizada e ressonância magnética: esses exames não são necessariamente obrigatórios para o diagnóstico, porém seus resultados podem ajudar na investigação como dados complementares.

Também é feito outro tipo de avaliação para o diagnóstico, a vectoeletronistagmografia ou eletronistagmografia. São exames audiológicos (de audição) que fazem parte da rotina de exames para quem tem labirintite.

O exame funciona dessa forma: são colocados eletrodos (servem para conectar um circuito elétrico a uma parte metálica, não metálica ou solução aquosa) na testa e ao lado do olho, e o paciente recebe estímulos luminosos e água no canal auditivo. Daí então, a partir dos registros, é feito o diagnóstico de labirintopatia, a labirintite.

Além disso, um teste de sangue para verificar os níveis de ácido úrico e outros marcadores inflamatórios também podem ser necessários.

Assine o App da Vale Saúde: Plano Familiar por R$ 21,90/mês

Por que os exames são importantes para o diagnóstico?

Os exames são importantíssimos para o diagnóstico da labirintite, pois algumas doenças possuem sintomas muito parecidos, como:

Em casos de suspeita de qualquer uma dessas doenças, o indicado é procurar um médico. Durante o atendimento, ele pode fazer perguntas sobre os sintomas, realizar uma avaliação clínica no consultório e, a partir daí, solicitar os exames necessários para o diagnóstico.

Assine o App da Vale Saúde: Pronto Atendimento Online 24h por R$ 49,90

Existe dieta para labirintite?

Sim, existe uma dieta para labirintite que pode ajudar a reduzir os sintomas. Os alimentos ricos em fibras e ômega-3 estão entre as principais recomendações, como por exemplo:

  • Atum
  • Abacate
  • Azeite de oliva extravirgem
  • Óleo de linhaça, canola e soja prensados a frio
  • Castanhas
  • Amêndoas
  • Nozes
  • Sardinha
  • Salmão
  • Bacalhau
  • Sementes de chia
  • Gergelim
  • Amendoim
  • Sementes de linhaça
  • Aveia
  • Folhas verde escuras (espinafre, agrião, couve, brócolis)
  • Leguminosas como feijões, ervilhas, grão de bico e lentilhas

Também, é importante evitar alguns produtos alimentícios, como:

  • Cafeína
  • Álcool
  • Sal
  • Produtos refinados
  • Alimentos gordurosos
  • Comida muito picante
  • Bebidas gaseificadas que contêm quinino (como água tônica)
  • Alimentos processados
  • Alto teor de açúcar
  • Grandes quantidades de sódio
  • Frituras

Além disso, o principal objetivo é manter uma dieta equilibrada e saudável, que inclua frutas e vegetais frescos, grãos integrais, proteínas magras (carnes brancas e laticínios desnatados) e alimentos ricos em vitaminas e minerais.

Ainda é recomendado não deixar que ocorram grandes intervalos de tempo entre uma refeição e outra, pois isso pode acarretar fraqueza, com sintomas como tontura, vertigem, tremor e desequilíbrio.

Você sabia que existe labirintite emocional?

Como já falamos no início, a labirintite é um problema que afeta uma região específica do ouvido, o labirinto, que geralmente causa desequilíbrio, vertigem, tontura, dentre outros sinais do corpo.

Essa condição pode ter origem emocional, apesar de ser um assunto não muito falado. Segundo especialistas, um dos principais sintomas é tontura.

Outras manifestações geralmente incluem ansiedade, insônia, alterações de humor, perda de interesse em atividades antes agradáveis, dificuldade de concentração e baixa autoestima.

Essa ligação da labirintite com a saúde emocional acontece por conta de ansiedade, estresse do dia a dia ou muitas preocupações. Nesse caso, se houver algum sintoma, procure um otorrinolaringologista e um psiquiatra ou psicólogo para que seja feito o tratamento adequado.

Procure a Vale Saúde

Lembre-se sempre de procurar orientação de um otorrinolaringologista para solicitar os exames, caso necessário.

Aqui na Vale Saúde disponibilizamos de mais de 60 especialidades para cuidar da sua saúde de forma rápida e segura.

* Valores de referência em SP Capital, podem variar dependendo do prestador e região do país, mas o valor preciso será informado na solicitação de orçamento e agendamento. Os serviços de saúde são de inteira responsabilidade dos prestadores, sendo a Vale Saúde apenas meio de pagamento e plataforma que conecta o usuário com a rede credenciada. Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Labirintite



vale saúde sempre assinatura post

Escrito por Vale Saúde

A Vale Saúde é uma marca Vivo e oferece serviço de assinaturas com descontos e preços acessíveis para você cuidar melhor da sua saúde.

Posts Relacionados

Como o nutricionista atua no controle e prevenção de doenças?

Como o nutricionista atua na prevenção de doenças?

Nutrição é fundamental no acompanhamento e tratamento de pacientes com problemas crônicos

check-up médico

Você sabe o que é um check-up médico?

Quer saber como se cuidar? Faça o seu check-up regularmente e veja os benefícios

exame de sangue completo o que pedir

Saiba o que pedir em um exame de sangue completo

O exame de sangue completo é muito importante, pois pode detectar diferentes tipos de problemas de saúde

Receba novidades em seu email

Inscreva-se na nossa newsletter

Ao se inscrever, você concorda com os termos de uso, a política de privacidade e em ser contatado por SMS, e-mail e telefone.

Tire suas dúvidas sobre a Vale Saúde na nossa central de ajuda

Vale Saúde - Logomarca
Vivo - Logomarca

A Vale Saúde é uma assinatura e não um plano de saúde.

*Valores de referência em SP Capital, podem variar dependendo do prestador e região do país, mas o preço exato será informado na solicitação de orçamento e agendamento. Os serviços de saúde são de inteira responsabilidade dos prestadores, sendo a Vale Saúde apenas meio de pagamento e plataforma que conecta o usuário com a rede credenciada. Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Copyright © 2022-2023 Vale Saúde. Todos os direitos reservados. CNPJ: 14.336.330/0001-67 | Av. Engenheiro Luis Carlos Berrini, 1.376 - Cidade Moções 04.571-936 – São Paulo/SP – Brasil