Vale Saúde - Logomarca

Sobre a Vale Saúde

Rede de Atendimento

Blog

Ajuda

Tabagismo

Vício em tabaco causa mais de 200 mil mortes por ano apenas no Brasil

Consulta presencial com pneumologista

A PARTIR DE

R$ 60*

Consulta online com pneumologista

A PARTIR DE

R$ 90*

Desconto em medicamentos

ATÉ

35%

O que é tabagismo?

Tabagismo é o nome dado ao vício em cigarro ou em outros produtos que possuem tabaco, como cachimbos, charutos e cigarros de corda. Esses materiais possuem como droga (ou princípio ativo) a nicotina, substância altamente viciante.

Atualmente, o tabagismo é considerado uma doença crônica causada pela dependência de nicotina. Segundo a Revisão da Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados à Saúde (CID-11), esse vício passou a fazer parte do grupo de transtornos mentais, comportamentais ou do neurodesenvolvimento em razão da utilização de substância psicoativa.

Mais de 50 doenças estão relacionadas ao vício em tabaco. Além disso, o tabagismo é considerado a maior causa evitável de adoecimento e mortes precoces em todo mundo.

Como saber se tenho tabagismo? Quais são os principais sintomas?

Ao se viciar em tabaco, a pessoa vai apresentar alguns sinais e sintomas, como:

  • Consumo maior do que 20 cigarros por dia
  • Perda do controle sobre a quantidade de cigarros que foi fumada no dia
  • Necessidade de fumar cada vez mais para ter o efeito provocado pela nicotina
  • Ao tentar parar de fumar ou diminuir o número de cigarros, tem fortes crises de abstinência que incluem dor de cabeça, irritabilidade, dificuldade de concentração, ansiedade e distúrbios do sono
  • Sensação de frustração com si próprio por não conseguir parar ou reduzir o número de cigarros consumidos.

Quais doenças são relacionadas ao tabagismo?

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que o tabagismo mata cerca de 8 milhões de pessoas por ano, sendo que 7 milhões ocorrem por conta do uso direto de cigarros e 1,2 milhão é resultado do fumo passivo (quando pessoas que não fumam são expostas à fumaça de cigarro).

O cigarro possui 4.700 substâncias tóxicas, incluindo a nicotina, que se disseminam por todos os tecidos do corpo, como pulmões, cérebro e outros órgãos vitais. Por isso, cerca de 50 doenças são relacionadas ao tabagismo. As principais são:

  • Câncer de pulmão
  • Câncer de esôfago
  • Câncer de rim e ureter
  • Câncer de laringe (nas cordas vocais)
  • Câncer de estômago
  • Câncer na cavidade oral (na boca)
  • Câncer de faringe (no pescoço)
  • Câncer de cólon e reto
  • Câncer de pele
  • Leucemia mieloide aguda
  • Tuberculose
  • Doenças cardíacas
  • AVC
  • Trombose
  • Aneurisma
  • DPOC (Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica ou enfisema pulmonar)
  • Úlcera gastrointestinal
  • Impotência sexual
  • Osteoporose
  • Catarata
  • Infecções respiratórias
  • Infertilidade em homens e mulheres
  • Queda de cabelo

Quais as consequências do uso de cigarro?

Além de todas as doenças citadas acima, o uso de tabaco diminui a qualidade de vida. O usuário tem menos fôlego e, com o tempo, deixa de conseguir realizar atividades saudáveis, como correr ou até mesmo caminhar.

Ao passar dos anos, subir escadas e realizar outros exercícios também se torna muito difícil. Com isso, a pessoa vai se tornando cada vez mais sedentária, o que pode causar outras doenças, como obesidade, diabetes e pressão alta.

O tabagismo também causa envelhecimento precoce, pois as substâncias presentes no cigarro atrapalham na produção de elastina, uma proteína responsável por dar sustentação à pele. Outras características de fumantes são dentes amarelados e cabelos finos e em pouca quantidade, porque fumar também causa perda de cabelo.

Quais as consequências do uso do cigarro na gravidez?

Ao descobrir a gravidez, a mulher deve parar de fumar imediatamente. Isso porque, além de fazer mal para si própria, ela também vai prejudicar a saúde do feto, que pode nascer com várias complicações ou sofrer aborto espontâneo.

Mulheres que fumam na gravidez podem enfrentar:

  • Gravidez ectópica
  • Morte fetal
  • Aborto espontâneo
  • Parto prematuro
  • Problemas de desenvolvimento do feto no útero

Como parar de fumar?

Pessoas que possuem tabagismo vão enfrentar crises de abstinência ao tentar diminuir ou parar de vez com o vício. No entanto, a vontade de fumar dura entre 3 a 5 minutos e, se a pessoa conseguir aguentar esse tempo sem acender um cigarro, ela está no caminho certo para parar de fumar.

Existe um método conhecido como 4D’s, que auxilia na hora de parar com os cigarros:

  • Delay (esperar): quando sentir vontade de fumar, espere 5 minutos. Isso ajuda o impulso a passar
  • Distract (distrair): faça alguma atividade para tirar o cigarro da mente e se distrair
  • Drink (beber): quando o impulso de fumar chegar, beba água, suco ou outros líquidos. Isso ajuda a enganar o organismo e pode fazer a vontade de fumar passar
  • Deep breath (respirar fundo): respirar fundo ajuda a controlar a ansiedade e pode auxiliar a brecar o impulso de fumar.

Além disso, não tenha medo das crises de abstinência. Os sintomas costumam durar entre 1 e 2 semanas, mas os benefícios de aguentar esses dias são imensos para a sua saúde. Recaídas também não devem te preocupar. Elas não são fracassos e podem acontecer. É importante apenas manter o foco e começar tudo novamente. Lembre-se: você tem direito a várias chances.

No geral, o tabagismo diminui o tempo de vida, mas os danos podem ser revertidos. É importante ter em mente que cada dia importa, então não deixe para parar amanhã, se você pode começar hoje.

Tabagismo tem cura?

É possível parar de fumar e alguns profissionais podem auxiliar nesse percurso. Psicólogos, por exemplo, conseguem auxiliar na parte psicológica, que tem forte influência no vício em nicotina.

Quando a pessoa desenvolve outras doenças por conta do tabagismo, é necessário realizar o tratamento com o médico especialista indicado. Para os casos de câncer, o oncologista é o profissional certo. O pneumologista também é um profissional muito acionado nesses casos, porque é o responsável por tratar doenças do pulmão.

Quais os benefícios em parar de fumar?

Parar de fumar apresenta benefícios logo após o último cigarro:

  • Depois de 20 minutos, a pressão sanguínea e a pulsação do coração voltam ao normal
  • Depois de 2 horas, a nicotina deixa de circular no sangue
  • Depois de 8 horas, o nível de oxigênio no sangue volta ao normal
  • Depois 12 a 24 horas, os pulmões voltam a funcionar melhor
  • Depois de 2 dias, o olfato e o paladar voltam ao normal
  • Depois de 3 semanas, a respiração se torna mais fácil e a circulação sanguínea melhora
  • Depois de 1 ano, o risco de morte por infarto diminui pela metade
  • Depois de 10 anos, o risco de ter um infarto se torna igual ao de pessoas que nunca fumaram.
Assine e agende uma consulta

Escolha uma assinatura ideal para você e agende sua consulta agora:

Especialistas mais indicados para o tratamento

Cardiologista

Tire suas dúvidas sobre a Vale Saúde na nossa central de ajuda

Vale Saúde - Logomarca
Vivo - Logomarca

A Vale Saúde é uma assinatura e não um plano de saúde.

*Valores de referência em SP Capital, podem variar dependendo do prestador e região do país, mas o preço exato será informado na solicitação de orçamento e agendamento. Os serviços de saúde são de inteira responsabilidade dos prestadores, sendo a Vale Saúde apenas meio de pagamento e plataforma que conecta o usuário com a rede credenciada. Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Copyright © 2022-2023 Vale Saúde. Todos os direitos reservados. CNPJ: 14.336.330/0001-67 | Av. Engenheiro Luis Carlos Berrini, 1.376 - Cidade Moções 04.571-936 – São Paulo/SP – Brasil