Vale Saúde - Logomarca

Sobre a Vale Saúde

Rede de Atendimento

Blog

Ajuda

Médico especializado no diagnóstico e tratamento de tumores ósseos e do sistema musculoesquelético

Ortopedista Oncológico

Médico especializado no diagnóstico e tratamento de tumores ósseos e do sistema musculoesquelético

Qual a função do ortopedista oncológico?

A ortopedia oncológica é uma subespecialidade da ortopedia que se dedica ao diagnóstico, tratamento e acompanhamento de tumores ósseos e de tecidos moles no sistema musculoesquelético.

Essa área combina conhecimentos de oncologia (o estudo do câncer) e ortopedia (o estudo dos ossos, músculos e articulações), abordando as necessidades específicas de pacientes que enfrentam câncer e garantindo uma abordagem multidisciplinar e personalizada para cada caso.

Os tumores tratados por esses profissionais são primários (originando-se diretamente nos ossos, músculos, cartilagens, articulações, nervos ou tendões) ou secundários, quando têm origem em outras partes do corpo e se espalham para o sistema ósseo. Eles são malignos (invadem outros tecidos e causam metástases) ou benignos (não realizam invasão, mas comprimem outros tecidos e estruturas conforme crescem). O tratamento deve começar o mais rápido possível para evitar o desenvolvimento desses tumores.

O ortopedista oncológico não apenas trata a doença em si, mas também se preocupa com o bem-estar geral do paciente, oferecendo suporte emocional e trabalhando em conjunto com uma equipe multidisciplinar, como oncologistas, radioterapeutas, patologistas, cirurgiões plásticos, radiologista, fisioterapeuta, psicólogo e psiquiatra.

Além disso, esses profissionais podem atuar na área de pesquisa, desenvolvendo novos estudos e intervenções para as demandas específicas da ortopedia oncológica.

O que é tratado por esse especialista?

Algumas condições tratadas pelo ortopedista oncológico são:

  • Osteossarcoma: câncer ósseo agressivo
  • Sarcoma de Ewing: tumor maligno que ocorre frequentemente nos ossos ou nos tecidos moles ao redor deles
  • Condrossarcoma: tumor maligno que se origina na cartilagem
  • Tumor de células gigantes do osso: tumor geralmente benigno, mas localmente agressivo
  • Metástases ósseas: tumores que se originam em outras partes do corpo, como nas mamas, próstata, pulmão, rim e se espalham para os ossos
  • Osteoma osteoide: pequeno tumor ósseo benigno, mas doloroso
  • Encondroma: tumor cartilaginoso benigno que geralmente ocorre nos ossos das mãos e dos pés
  • Osteocondroma: crescimento ósseo benigno que se desenvolve perto das extremidades dos ossos longos durante a infância e adolescência
  • Liposarcoma: tumor maligno dos tecidos adiposos
  • Rabdomiossarcoma: câncer maligno dos músculos esqueléticos, mais comum em crianças
  • Fibrossarcoma: tumor maligno dos tecidos fibrosos
  • Sarcoma sinovial: tumor maligno dos tecidos moles próximo às articulações
  • Hemangioma: tumor benigno dos vasos sanguíneos, que ocorre nos ossos ou tecidos moles
  • Doença de Paget: condição crônica que causa deformidades ósseas e predispõe a formação de tumores ósseos, tanto benignos quanto malignos
  • Mieloma múltiplo: câncer das células plasmáticas na medula óssea que causa lesões ósseas e fraturas patológicas

Quando devo procurar o ortopedista oncológico?

Você deve considerar procurar um ortopedista oncológico se:

  • Está enfrentando dor crônica em ossos ou articulações, especialmente se ela não melhora com tratamentos convencionais
  • Notar inchaço, protuberâncias ou nódulos em qualquer parte do corpo, principalmente nas extremidades ou na região dos ossos
  • Possui histórico de câncer ósseo na família
  • Sofreu uma fratura sem motivo aparente ou com trauma mínimo
  • Exames de imagem mostrarem anormalidades nos ossos ou partes moles
  • Já foi diagnosticado com câncer em outra área e há suspeita de metástase para os ossos

Lembre-se de que o diagnóstico precoce é fundamental para o tratamento eficaz. Se você apresentar algum desses sintomas ou tiver preocupações, consulte um médico para avaliação e orientação adequada.

Qual a diferença entre ortopedia e oncologia?

A ortopedia é uma especialidade médica que se concentra no diagnóstico, tratamento e prevenção de doenças e lesões do sistema musculoesquelético, que inclui ossos, articulações, músculos, tendões e ligamentos.

Trata uma ampla variedade de condições, como fraturas, luxações, lesões esportivas, deformidades congênitas, doenças degenerativas e distúrbios da coluna vertebral.

Também realizam cirurgias ortopédicas, como correções de deformidades, substituições articulares e reparos de lesões.

Já a oncologia é a especialidade médica dedicada ao diagnóstico, tratamento e prevenção do câncer. Os oncologistas estudam os diferentes tipos de câncer, suas causas, estágios e opções de tratamento.

Eles podem se especializar em áreas específicas, como oncologia clínica, cirúrgica ou radioterapia. Tratam pacientes com câncer em várias partes do corpo, incluindo órgãos internos, pele e tecidos moles.

Quais são os tipos de tratamento?

Os tratamentos oferecidos pela ortopedia oncológica são:

  • Cirurgias de remoção, ressecção do tumor e reconstrução óssea
  • Quimioterapia
  • Radioterapia
  • Imunoterapia
  • Terapias direcionadas que visam bloquear proteínas específicas envolvidas no crescimento do tumor
  • Reabilitação pós-cirúrgica

O tratamento é personalizado, considerando as características do tumor, sua localização e a saúde geral do paciente.

Também é feito em colaboração com uma equipe multidisciplinar para oferecer o melhor cuidado possível.

Como é a consulta com o ortopedista oncológico?

O ortopedista oncológico inicia a consulta com uma anamnese, fazendo perguntas detalhadas sobre os sintomas, histórico médico, dor, mobilidade e qualquer alteração nos ossos ou tecidos moles.

Também examina fisicamente o paciente, avaliando a função das articulações, a presença de inchaços, deformidades ou limitações de movimento.

Com base nos sintomas e no exame clínico, solicita exames de sangue e de imagem, que ajudam a visualizar o tumor, sua localização, tamanho e extensão.

Após os resultados, o especialista fornece o diagnóstico e as opções de tratamento. Se necessário, ele encaminha o paciente para outros profissionais para auxiliar no acompanhamento e monitoramento da reabilitação do paciente.

Quais exames o ortopedista oncológico solicita?

Para auxiliar no diagnóstico e no tratamento, o ortopedista oncológico solicita uma variedade de exames. Alguns deles são:

Quanto custa uma consulta com um ortopedista oncológico?

Com a Vale Saúde, você pode marcar consultas presenciais ou por telemedicina (videochamada pelo aplicativo) com ortopedistas oncológicos e outras 60 especialidades médicas a partir de R$ 70,00*!

Assinantes também têm descontos em exames e medicamentos. Saiba mais sobre as nossas assinaturas e comece a cuidar da sua saúde agora mesmo!

0

Tire suas dúvidas sobre a Vale Saúde na nossa central de ajuda

Vale Saúde - Logomarca
Vivo - Logomarca

A Vale Saúde é uma assinatura e não um plano de saúde.

*Valores de referência em SP Capital, podem variar dependendo do prestador e região do país, mas o preço exato será informado na solicitação de orçamento e agendamento. Os serviços de saúde são de inteira responsabilidade dos prestadores, sendo a Vale Saúde apenas meio de pagamento e plataforma que conecta o usuário com a rede credenciada. Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Copyright © 2022-2023 Vale Saúde. Todos os direitos reservados. CNPJ: 14.336.330/0001-67 | Av. Engenheiro Luis Carlos Berrini, 1.376 - Cidade Moções 04.571-936 – São Paulo/SP – Brasil