Vale Saúde - Logomarca
Especialidade médica diagnostica e trata condições ou doenças originadas pela alimentação

Nutrólogo

Especialidade médica diagnostica e trata condições ou doenças originadas pela alimentação

Consultas presenciais com nutrólogo

A PARTIR DE

R$ 70*

Ligue Saúde: orientação médica por telefone

24H POR DIA

Incluso

Pronto atendimento online com Clínico geral e Pediatra

24H POR DIA

R$ 49,90/consulta

Qual a função do especialista?

A Nutrologia é a especialidade médica que estuda o comportamento alimentar e investiga e acompanha doenças relacionadas à ingestão de nutrientes, como carboidratos, proteínas, vitaminas e minerais. Também é denominada de Nutrologia Funcional ou Nutrologia Médica, que são sinônimos na sua conceituação.

O médico nutrólogo faz o diagnóstico e tratamento de doenças como anemia ferropriva, obesidade, deficiência de vitaminas e anorexia nervosa. Ainda atua com foco nas necessidades de cada organismo, visando à manutenção da saúde e à prevenção de problemas crônicos, contribuindo para a longevidade e melhoria da qualidade de vida.

Por ser formado em Medicina, este especialista pode prescrever medicamentos, solicitar exames e, se achar necessário, encaminhar o paciente para médicos de outras especialidades. Ele também cuida da nutrição de pacientes hospitalizados.

Durante a consulta, o nutrólogo analisa o paciente como um todo, desde o metabolismo até o histórico familiar, em busca de carência ou excesso de elementos e componentes essenciais para o funcionamento correto do organismo.

Para melhor atender às necessidades dos pacientes, a Nutrologia deu origem a outras subespecialidades:

  • Nutrologia Esportiva: visa o bom desempenho para indivíduos que praticam esportes ou atividade física regularmente.
  • Nutrologia Pediátrica: levando em conta que as necessidades das crianças diferem das dos adultos em relação à alimentação, esse ramo da nutrologia se dedica ao crescimento saudável de crianças com problemas alimentares.

A abrangência de atuação dos nutrólogos envolve:

  • Diagnosticar e tratar as doenças nutricionais (que incluem as doenças nutroneurometabólicas de alta prevalência nos dias de hoje como a obesidade, a hipertensão arterial e o diabetes mellitus), recorrendo à solicitação e avaliação de exames diagnósticos, quando necessário
  • Identificar possíveis “erros” alimentares, hábitos de vida ou estados orgânicos que estejam contribuindo para o quadro nutricional do paciente, já que as interrelações entre nutrientes-nutrientes, nutrientes-medicamentos e de mecanismos regulatórios orgânicos são complexas

Quais são as principais condições acompanhadas pelo nutrólogo?

  • Anemia
  • Diabetes
  • Hipertensão arterial
  • Transtornos alimentares (compulsão, bulimia, anorexia)
  • Obesidade
  • Deficiência de vitaminas
  • Autoestima/emagrecimento
  • Cansaço
  • Osteoporose
  • Fraqueza muscular
  • Depressão
  • Perda de memória

Quando devo procurar um nutrólogo?

É necessário consultar um nutrólogo quando o paciente apresenta doenças crônicas como diabetes e hipertensão arterial e precisa de tratamento contínuo. Essas condições são aquelas que não se resolvem apenas com a mudança de alimentação e disciplina de exercícios físicos.

O nutrólogo também é responsável por outros distúrbios como compulsão alimentar, bulimia, anorexia, magreza excessiva (paciente com IMC abaixo de 18,5), obesidade ou sobrepeso, desequilíbrio nutricional de atletas (no caso de nutrologia esportiva).

Se você apresenta algum sintoma dos quadros acima citados, procure um médico especialista para acompanhamento clínico adequado.

Qual a diferença entre nutrólogo, nutricionista e endocrinologista?

Nutrólogo e nutricionista, ambos atuantes na área da saúde, têm papéis diferentes no tratamento relativo à alimentação. A diferença mais marcante entre eles é a formação: o nutricionista fez graduação no curso de Nutrição e o nutrólogo é formado em Medicina e fez especialização em Nutrologia.

O nutricionista é o responsável por elaborar o plano alimentar e indicar quais alimentos e quanto comer em cada refeição. O profissional também pode indicar suplementos e fazer a solicitação de exames de laboratório, desde que o pedido para os testes oriente a elaboração do menu da dieta.

Mas o responsável por diagnosticar e orientar o tratamento de doenças, distúrbios alimentares ou desequilíbrios nutricionais que colocam a saúde em risco é o médico nutrólogo. Quando o nutrólogo constata que o problema deve ter acompanhamento com alterações de dieta, ele precisa encaminhar o paciente ao nutricionista, que tem requisitos e formação para elaborar o plano alimentar de acordo com a proporção correta de nutrientes e calorias, para cada indivíduo.

Assim como o nutricionista não pode prescrever medicamentos (porque não é médico), o nutrólogo não pode prescrever dietas (porque não é nutricionista). Somente o profissional formado em Nutrição é habilitado para prescrever dietas.

o endocrinologista é o especialista em alterações e desequilíbrios hormonais e metabólicos, podendo diagnosticar e tratar as doenças relacionadas às alterações no metabolismo e aos distúrbios hormonais. O médico endocrinologista pode solicitar exames e prescrever medicamentos, assim com o nutrólogo. Quando necessário, o acompanhamento médico desses profissionais pode ser complementado pelo trabalho do nutricionista.

Apesar das condições tratadas pelas especialidades serem as mesmas, a abordagem realizada pelos profissionais é diferente. Enquanto o endocrinologista olha para a produção hormonal e busca repor ou tratar essa disfunção, o nutrólogo concentra-se nos hábitos do paciente, buscando uma ligação entre eles com os problemas hormonais.

Ao invés de suplementação ou medicamentos para correção hormonal, o nutrólogo procura um tratamento mais permanente e que não esteja dependente somente de medicação - apesar desta não ser descartada.

As três especialidades são complementares. Para o tratamento de certas doenças, o acompanhamento metabólico é tão importante quanto o nutricional. Assim como os medicamentos prescritos pelos médicos especialistas, uma alimentação balanceada é fundamental.

Concluindo: o endocrinologista corrige, a curto prazo, os sintomas e evolução da doença, enquanto o nutrólogo acompanha uma mudança de hábitos alimentares e de vida do paciente, buscando uma solução permanente, a partir de dieta recomendada pelo nutricionista.

Anemia

Osteoporose

Obesidade

Bulimia

Síndrome do Intestino Irritável

Doença de Crohn

Cirrose

Hipotensão Arterial

Esteatose Hepática

Doença Celíaca

Intolerância à Lactose

Anorexia Nervosa

Fadiga

Acne

Desnutrição