Vale Saúde - Logomarca

Sobre a Vale Saúde

Rede de Atendimento

Blog

Ajuda

Médico é especialista na retina, região do olho que garante boa visão e que pode ser afetada por várias doenças

Retinólogo

Médico é especialista na retina, região do olho que garante boa visão e que pode ser afetada por várias doenças

O que é um retinólogo?

O retinólogo é um profissional de grande importância. Afinal, ele é o oftalmologista (ou médico de olhos) especializado na retina. Portanto, é o responsável por diagnosticar e cuidar de sintomas que aparecem nessa área do olho.

O médico retinólogo deve ser consultado pelo menos uma vez ao ano por pessoas que pertencem a certos grupos de risco, como idosos e portadores de doenças sistemáticas (diabetes e hipertensão, por exemplo).

Mas todas as pessoas podem buscar o atendimento desse profissional, principalmente se houver qualquer tipo de problema na retina, uma das áreas mais fundamentais do olho.

O que é a retina?

A retina é uma espécie de membrana muito fina, que está localizada na área interna do globo ocular. Ela é a parte do olho responsável por captar, registrar e decodificar a luz e depois enviá-la para o nervo óptico, que vai transformar essas ondas luminosas em imagens no cérebro.

Dessa forma, quando tudo está bem com a retina, conseguimos enxergar perfeitamente. Entretanto, essa região pode ser afetada por várias doenças e alterações.

A idade e a falta de cuidado com os olhos também são capazes de prejudicar essa membrana, o que pode levar à perda de visão parcial ou definitiva, de acordo com o nível dos danos.

Quais são as principais doenças tratadas?

  • Retinopatias, que podem ser diabéticas, miópicas e hipertensivas
  • Degeneração Macular Relacionada à Idade (DMRI)
  • Deslocamento da retina
  • Tumores
  • Hemorragias
  • Inflamações
  • Intoxicações

Esses problemas podem levar à perdão parcial ou total da visão, portanto, são extremamente graves. Além disso, geralmente são condições silenciosas, que se expandem sem apresentar sintomas. Dessa forma, quando o paciente começa a sentir incomodas, a doença já está em estado avançado.

Para impedir que isso ocorra, é importante realizar consultas e exames nos olhos, como a retinografia, pelo menos uma vez ao ano.

Como é feito o diagnóstico de doenças na retina?

Na consulta com o retinólogo, o primeiro passo é o médico realizar um exame de rotina, chamado de fundoscopia simples. Nesse procedimento, a pupila não é dilatada, e o profissional apenas observa a estrutura interna do globo ocular.

Depois, o médico irá partir para a avaliação da retina em si, que engloba uma série de exames que ajudam a diagnosticar precocemente vários tipos de doenças oculares.

A avaliação de retina inclui alguns exames, como a oftalmoscopia indireta, também conhecida como mapeamento de retina, e a biomicroscopia da retina.

Outros processos, como angiofluoresceinografia retiniana, tomografia de coerência óptica (OCT) e retinografia também servem de apoio para o diagnóstico do retinólogo.

O que é a retinografia?

A retinografia é um dos exames mais importantes para o médico que cuida dos olhos. Assim como vários outros procedimentos, a retinografia serve para fazer o mapeamento ocular, mas, nesse caso, o objetivo é realizar a observação e tirar fotos da retina, do fundo do olho e do nervo óptico.

Dessa forma, o retinólogo consegue ter acesso a uma documentação fotográfica em alta definição dos olhos do paciente, podendo analisar possíveis doenças e lesões, facilitando o diagnóstico.

O exame é indolor e dura apenas alguns minutos. Ele é recomendado quando o médico suspeita de alguma doença ocular ou para realizar o acompanhamento de doenças já diagnosticadas, como glaucoma e retinopatia diabética.

Quais são os tratamentos para doenças na retina?

Como existem várias doenças que podem afetar os olhos, o tratamento vai depender muito da análise dos exames realizados pelo especialista em retina.

Grande parte das doenças que atingem a retina podem evoluir para um caso grave de cegueira parcial ou total. Por isso, o diagnóstico precoce é muito importante para assegurar a qualidade da visão do paciente.

Seguir o tratamento prescrito à risca também é uma parte essencial que cabe ao paciente. Outro ponto relevante é nunca pingar colírios nos olhos sem recomendação médica, principalmente se forem a base de corticoides.

Qual a diferença entre oftalmologista e retinólogo?

Uma dúvida que pode surgir na hora de marcar um exame de visão é: devo consultar com um oftalmologista ou um retinólogo? E a resposta vai depender dos sintomas que você está sentindo.

O retinólogo é um oftalmologista especialista em retina. Ele é o profissional responsável por realizar uma série de exames e assegurar a saúde dessa região do globo ocular.

O mais comum é que você marque uma consulta com um oftalmologista para que ele faça exames gerais no seu olho. Se esse profissional observar algum problema na retina, ele irá fazer o encaminhamento para o retinólogo.

Mas se você for diabético, hipertenso ou idoso, é interessante se consultar com ambos os médicos anualmente, ou quantas vezes forem indicadas pelo especialista.

Quando devo consultar com um retinólogo?

O retinólogo deve ser consultado sempre que houver qualquer tipo de problema na retina. Se você não possui nenhuma doença diagnosticada, é essencial realizar exames periódicos para seguir garantindo a saúde ocular.

Caso você já tenha alguma doença na retina, a visita ao especialista deve ser anual ou de acordo com a periodicidade definida pelo médico, o que pode variar segundo a gravidade de cada caso.

Quanto custa uma consulta com esse profissional?

As consultas com um retinólogo têm uma média de preço entre R$ 80 e R$ 100, que podem variar segundo a região do paciente e do consultório. Esse valor não inclui exames complementares.

Na Vale Saúde, você encontra assinaturas acessíveis, que dão acesso a consultas (presenciais ou online) com especialistas em todo o Brasil.

Saiba mais sobre a Vale Saúde, conheça nossas assinaturas e tenha acesso ao cuidado médico que você precisa!

Tire suas dúvidas sobre a Vale Saúde na nossa central de ajuda

Vale Saúde - Logomarca
Vivo - Logomarca

A Vale Saúde é uma assinatura e não um plano de saúde.

*Valores de referência em SP Capital, podem variar dependendo do prestador e região do país, mas o preço exato será informado na solicitação de orçamento e agendamento. Os serviços de saúde são de inteira responsabilidade dos prestadores, sendo a Vale Saúde apenas meio de pagamento e plataforma que conecta o usuário com a rede credenciada. Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Copyright © 2022-2023 Vale Saúde. Todos os direitos reservados. CNPJ: 14.336.330/0001-67 | Av. Engenheiro Luis Carlos Berrini, 1.376 - Cidade Moções 04.571-936 – São Paulo/SP – Brasil