Vale Saúde - Logomarca

Saúde V


Saúde e Bem-estar

Alimentação

Dicas e Curiosidades

Exames

Saúde Mental

Top10 Saúde

Dicas e Curiosidades

Coletor menstrual: cuidado com o meio ambiente e com a saúde íntima

23 de

novembro

de 2023

coletor menstrual
assinatura vale saúde

Comparado aos absorventes descartáveis, copinho é alternativa mais econômica e sustentável

O que é um coletor menstrual?

O coletor menstrual, também conhecido como copo ou copinho menstrual, é uma alternativa aos tradicionais absorventes descartáveis. Fabricado a partir de materiais duradouros e testados ginecologicamente, ele foi desenvolvido como uma opção mais sustentável, confortável, econômica e seguro para a saúde íntima do que os absorventes descartáveis comuns.

Os coletores menstruais mais populares no mercado são feitos de silicone hipoalergênico e antibacteriano e possuem formato de um “copinho”. Sua composição e seu formato fazem com que o produto seja macio e moldável ao mesmo tempo.

Isso facilita sua entrada no canal vaginal, pois a maleabilidade permite que o produto se adapte à anatomia do corpo, proporcionando uma colocação fácil, suave e sem desconfortos. Assim, o copinho se encaixa perfeitamente e forma uma barreira contra possíveis vazamentos.

Assine o App da Vale Saúde: Plano Individual por R$ 14,90/mês

Coletor menstrual vs. absorventes tradicionais

O copinho menstrual surge como uma alternativa mais econômica se comparado aos absorventes descartáveis e absorventes internos. Com uma durabilidade de até 10 anos, o preço do coletor menstrual é, em média, R$ 100. Por ano, são gastos R$ 10, e, a cada menstruação, são gastos aproximadamente R$ 0,83 por mês. No geral, uma caixa de absorventes internos custa R$ 15 e dura cerca de um ciclo. Por ano, são gastos em média R$ 180 em absorventes.

Enquanto a compra contínua dos absorventes descartáveis resulta em um gasto significativo ao longo do tempo, o coletor menstrual oferece uma opção mais duradoura e barata.

O coletor também se destaca por ser uma opção mais sustentável. Ao longo da vida, uma pessoa tem, aproximadamente, cerca de 400 ciclos menstruais, resultando no uso aproximado de 10.000 absorventes internos. O impacto ambiental do descarte desses resíduos é significativo: o Brasil, sozinho, descarta cerca de 12 mil toneladas de absorventes mensalmente.

Em contrapartida, o coletor menstrual produz muito menos resíduos por ser reutilizável e durável. O uso de apenas alguns copinhos durante a vida torna essa escolha mais amiga do meio ambiente.

Em resumo, o coletor menstrual possui inúmeros benefícios:

  • Macio e flexível
  • Longa proteção: até 12h sem precisar trocar
  • Não incomoda e não dói
  • Evita vazamentos
  • Fácil de usar
  • Feito de silicone hipoalergênico, que é mais saudável para a saúde íntima
  • Longa duração: um copinho pode ser usado por até 10 anos
  • Ajustável ao corpo
  • Muitas marcas possuem materiais veganos

Como usar um coletor menstrual: instruções passo a passo

Colocar um coletor menstrual é mais simples do que parece. Para começar, escolha um local calmo e não tenha pressa para testar qual dobra é mais fácil para você.

Existem várias dobras, e você pode testar para decidir qual se adequa melhor ao seu corpo. Após inseri-lo no canal vaginal, o copinho coletará a menstruação por até 12 horas, permitindo que você faça suas atividades do dia a dia sem incômodos.

Cada corpo é único, por isso, é importante explorar diferentes dobras e maneiras de encaixe para determinar a mais confortável. Experimentar o coletor em dias de fluxo intenso pode facilitar a adaptação, especialmente para iniciantes.

Para remover o coletor menstrual, siga esses passos:

  • Higienize bem as mãos
  • Escolha uma posição confortável, seja sentando-se na privada, agachando ou com uma perna levantada
  • Insira o dedo indicador no canal vaginal, localize o fundo do coletor e, fazendo um movimento de pinça ou pressionando contra a parede vaginal, puxe-o lentamente
  • Ao retirar, segure firme pela base para evitar derramamentos

Um movimento que pode facilitar a remoção do coletor menstrual é a contração da pelve, que é uma mobilidade de pompoarismo. Após a remoção, higienize o coletor e recoloque-o da forma mais fácil para você.

Assine o App da Vale Saúde: Plano Familiar por R$ 21,90/mês

Coletor menstrual e a sexualidade

Uma dúvida comum sobre o coletor menstrual é em relação ao seu uso por pessoas virgens. Na verdade, sua textura macia e maleável permite uma adaptação ao formato do canal vaginal, tornando possível a utilização por pessoas que ainda não tiveram relações sexuais com penetração.

Entretanto, é essencial respeitar o tempo e o conforto do próprio corpo e é recomendável inseri-lo em um momento tranquilo e relaxado. Para facilitar o processo, experimente colocar o coletor menstrual em um dia de fluxo intenso, pois isso facilita o manuseio do copinho.

Para as pessoas que utilizam DIU (dispositivo intrauterino que serve como método anticoncepcional), é preciso um pouco mais de cuidado na hora de tirar o copinho. Nunca retire o coletor com força, pois isso pode puxar ou mover o DIU. Sempre o segure firmemente e remova com delicadeza para evitar complicações. Se você sentir que está puxando um fio junto com o copinho, recomece o processo para retirá-lo.

Alternativas ao coletor menstrual: outras opções para proteção menstrual

Se você não quiser usar o coletor menstrual, mas está em busca de outras opções para seu ciclo, conheça outras alternativas:

Absorvente Descartável

O absorvente descartável é a opção mais comum e mais utilizada para a menstruação. Prático de usar e fácil de encontrar, é descartado após o uso. Embora ofereça conveniência, é importante considerar seu impacto ambiental devido à produção de resíduos.

Disco Menstrual

Semelhante ao copinho coletor, o disco menstrual também é inserido no canal vaginal e pode ser descartável ou durável. Porém, o formato do disco é mais achatado e, diferentemente do copinho, permite a penetração nos dias de fluxo. Isso acontece porque o disco não possui o “cabinho” que o coletor tem para ajudar na retirada.

Calcinha Absorvente

As calcinhas absorventes são discretas e confortáveis. Com elas, você não precisa de outros métodos de contenção de menstruação além da própria peça. Elas se destacam por serem práticas, e, além disso, podem ser sustentáveis, já que algumas marcas utilizam tecido biodegradável que se decompõem em poucos anos após o descarte.

Absorvente Reutilizável

Parecidos com os absorventes descartáveis comuns, os absorventes reutilizáveis são uma versão mais sustentável dos mais conhecidos do mercado. É uma opção econômica e também prática, já que você pode ter várias peças e trocar quando e onde achar necessário.

Ao escolher a melhor opção para você e seu ciclo menstrual, lembre-se que nenhuma dessas alternativas previnem gravidez, infecções como candidíase ou ISTs (infecções sexualmente transmissíveis). Para isso, utilize preservativos e métodos contraceptivos ou fale com um médico ginecologista.

A Vale Saúde te ajuda a encontrar os melhores ginecologistas!

Ao assinar a Vale Saúde, você terá em poucos cliques acesso a mais de 60 especialidades, incluindo ginecologistas. Garanta seu fácil acesso a consultas médicas presenciais e online, exames, medicamentos, vacinas, terapias e pacotes cirúrgicos.

Saiba mais e encontre a assinatura certa para você!

Coletor menstrual

Saúde feminina



vale saúde sempre assinatura post

Escrito por Vale Saúde

A Vale Saúde é uma marca Vivo e oferece serviço de assinaturas com descontos e preços acessíveis para você cuidar melhor da sua saúde.

Posts Relacionados

doenças femininas

Quais doenças mais afetam as mulheres?

Conheça condições específicas das mulheres e outras que elas têm mais tendência a desenvolver

descubra qual exame confirma câncer de ovário

Descubra qual exame confirma câncer de ovário

Doença tem mais chance de cura se for identificada em estágio inicial, mas o diagnóstico precoce ainda é difícil

qual exame detecta angina

Qual exame detecta angina? Fique atento aos sintomas

Se tiver dor forte no peito, paciente deve buscar ajuda médica para fazer um eletrocardiograma

Receba novidades em seu email

Inscreva-se na nossa newsletter

Ao se inscrever, você concorda com os termos de uso, a política de privacidade e em ser contatado por SMS, e-mail e telefone.