Vale Saúde - Logomarca

Sobre a Vale Saúde

Rede de Atendimento

Blog

Ajuda

Saúde V


Saúde e Bem-estar

Alimentação

Dicas e Curiosidades

Exames

Saúde Mental

Saúde e Bem-estar

Engasgo: saiba o que fazer em uma situação como esta

20 de

março

de 2023

engasgo: o que fazer em uma situação como esta
assinatura vale saúde

Tossir é uma alternativa para engasgos, mas é importante saber como proceder em situações graves

O engasgamento pode ser provocado por uma série de razões diferentes, entre elas a mastigação incorreta dos alimentos ou até pela própria saliva. Por isso, neste artigo vamos explicar o que fazer e o que não fazer em situações de engasgo, que são mais comuns aos bebês e aos idosos. Confira até o final.

Assine o App da Vale Saúde: Plano Individual por R$ 14,90/mês

Mas, afinal, por que nos engasgamos?

De acordo com o Ministério da Saúde, o engasgo é uma forma do nosso corpo indicar a dificuldade para expelir (colocar para fora) um alimento, um objeto ou até mesmo a saliva que acabou seguindo um “caminho errado” ao engolirmos.

O engasgo é considerado uma emergência, visto que prejudica a chegada de ar aos pulmões e, por isso, é tão importante saber o que fazer em situações como essa para ajudar aqueles que precisam, sejam adultos ou bebês.

Adultos, por exemplo, costumam indicar situações de engasgo quando levam as mãos ao pescoço ou ao alto, o que nos permite ajudá-los rapidamente. Já os bebês e as crianças costumam se engasgar ao comer, ao beber, como também quando colocam objetos estranhos, como moedas e peças de brinquedo pequenas, na boca.

A ONG Criança Segura aponta que o sufocamento ou engasgo é a terceira maior causa de morte de crianças no Brasil e situações como essa podem ser facilmente evitadas por meio do atendimento rápido e eficaz.

Assine o App da Vale Saúde: Plano Familiar por R$ 21,90/mês

Adultos: o que fazer em situações de engasgo?

Primeiro, é importante entender se a pessoa tem um engasgo parcial, ou seja, quando ela ainda consegue falar algumas palavras e até tossir.

Caso seja essa a situação, peça para ela tossir de 4 a 5 vezes bem forte. Esse processo pode terminar com a situação de engasgo.

Mas, caso o engasgo persista ou a pessoa se quer consiga emitir algum som, é importante saber como realizar a Manobra de Heimlich:

  • Primeiro mantenha a calma e avise a vítima que você irá ajudá-la.
  • Na sequência, se posicione atrás da pessoa engasgada, passando seus braços em torno da cintura dela, de modo que suas mãos se encontrem na altura do umbigo dela.
  • Depois, feche uma das mãos e a mantenha apoiada sobre o umbigo da vítima.
  • Use a outra mão para manter o punho fixo na barriga da vítima e faça pressão, para dentro e para cima, por pelo menos 5 vezes seguidas. Faça uma breve pausa e depois repita o movimento até que o alimento seja expulso ou o engasgo termine.

Se a pessoa estiver inconsciente, acione o serviço de emergência por meio do telefone 192. Mas enquanto aguarda a chegada dos médicos, é importante manter a vítima deitada e iniciar a massagem cardíaca de modo a garantir a circulação, o que evita, por exemplo, consequências neurológicas devido à parada cardiorrespiratória.

Assine o App da Vale Saúde: Pronto Atendimento Online 24h por R$ 49,90

Bebês e Crianças: o que fazer em situações de engasgo?

É muito comum que pais e responsáveis fiquem nervosos diante de uma situação de engasgo vivenciada por bebês e crianças. Mas a calma dos adultos é fundamental para garantir o atendimento adequado e no menor tempo possível.

A Manobra de Heimlich também pode ser realizada em crianças e em bebês. Mas, em bebês há alguns pequenos ajustes que precisam ser feitos, acompanhe:

  • O adulto deve manter a calma e, na sequência, sentar-se para apoiar o bebê, de bruços, sobre suas pernas e segurando-o com o antebraço.
  • Depois, posicione a cabeça do bebê para baixo e mantenha o queixo da criança sob suas mãos.
  • Com a mão livre, dê 5 leves batidas nas costas do bebê, cerca de 5 vezes. *Atenção à força dessas batidas, pois estamos lidando com bebês.
  • Depois, vire o bebê de frente para você, segurando-o pelo antebraço e apoiado em suas pernas.
  • Faça 5 compressões com dois dedos (indicador e médio) entre os mamilos do bebê. As compressões não devem ser muito fortes.
  • Por fim, olhe para o bebê e veja se ele irá chorar, tossir ou vomitar, pois são sinais de que ele desengasgou.

Se o bebê não apresentar pelo menos uma das reações indicadas acima, significa que ele pode estar inconsciente e é fundamental acionar o serviço de emergência por meio do telefone 192 para pedir apoio aos bombeiros e obter orientações sobre como proceder até a chegada do socorro.

O que não fazer em situações de engasgo?

É fundamental evitarmos as atitudes a seguir em casos de engasgo:

  • Tapas fortes nas costas da vítima ou pedir para que ela levante as mãos ao alto não irão fazer com que ela desengasgue.
  • Não peça para a pessoa engasgada beber água ou outro tipo de líquido, pois eles não atuam no processo para desengasgue e ainda poderão sair pelo nariz da vítima.
  • Não coloque a mão na boca da vítima para retirar alimentos ou objetos, pois esse ato pode prejudicar ainda mais o processo para que a pessoa respire.
  • Não deite a pessoa engasgada consciente. Apenas o faça, caso a pessoa não esteja consciente, mas acione o serviço de emergência pelo telefone 192 para obter detalhes sobre como proceder.

Todas as informações indicadas no texto são educativas e servem para apoiá-lo em situações de urgência, mas é sempre válido lembrar que para dúvidas e/ou orientações de saúde é indicado procurar um médico.

A Vale Saúde disponibiliza mais de 60 especialidades médicas para apoiar você e a sua família sempre que precisarem.

Não espere um problema de saúde aparecer. Faça consultas e exames pagando muito menos. Conheça as nossas assinaturas e escolha a que melhor atende a sua necessidade.

* Valores de referência em SP Capital, podem variar dependendo do prestador e região do país, mas o valor preciso será informado na solicitação de orçamento e agendamento. Os serviços de saúde são de inteira responsabilidade dos prestadores, sendo a Vale Saúde apenas meio de pagamento e plataforma que conecta o usuário com a rede credenciada. Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Engasgo

Tosse



vale saúde sempre assinatura post

Escrito por Vale Saúde

A Vale Saúde é uma marca Vivo e oferece serviço de assinaturas com descontos e preços acessíveis para você cuidar melhor da sua saúde.

Posts Relacionados

Fezes escuras: o que pode ser e o que fazer?

Fezes escuras: o que pode ser e o que fazer?

Entenda o que a cor escura do seu cocô pode dizer sobre a sua saúde

você ainda não faz lavagem nasal diariamente

Você ainda não faz lavagem nasal diariamente? Pois deveria

Conheça os benefícios da prática que pode melhorar a respiração e prevenir crises alérgicas

check-up médico

Você sabe o que é um check-up médico?

Quer saber como se cuidar? Faça o seu check-up regularmente e veja os benefícios

Receba novidades em seu email

Inscreva-se na nossa newsletter

Ao se inscrever, você concorda com os termos de uso, a política de privacidade e em ser contatado por SMS, e-mail e telefone.

Tire suas dúvidas sobre a Vale Saúde na nossa central de ajuda

Vale Saúde - Logomarca
Vivo - Logomarca

A Vale Saúde é uma assinatura e não um plano de saúde.

*Valores de referência em SP Capital, podem variar dependendo do prestador e região do país, mas o preço exato será informado na solicitação de orçamento e agendamento. Os serviços de saúde são de inteira responsabilidade dos prestadores, sendo a Vale Saúde apenas meio de pagamento e plataforma que conecta o usuário com a rede credenciada. Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Copyright © 2022-2023 Vale Saúde. Todos os direitos reservados. CNPJ: 14.336.330/0001-67 | Av. Engenheiro Luis Carlos Berrini, 1.376 - Cidade Moções 04.571-936 – São Paulo/SP – Brasil