Vale Saúde - Logomarca

Sobre a Vale Saúde

Rede de Atendimento

Blog

Ajuda

Joanete

Os principais sintomas são dor no dedão e nas articulações do pé

Consulta presencial com ortopedista

A PARTIR DE

R$ 60*

Consulta online com ortopedista

A PARTIR DE

R$ 105*

Desconto em medicamentos

ATÉ

35%

O que é joanete?

Joanete (nome científico hálux valgo ou hallux valgus) é um relevo ósseo que se forma na articulação da base do dedão do pé. O problema surge quando alguns ossos na parte dianteira do pé se deslocam e saem do lugar, a ponta do dedão vira em direção aos outros dedos, o que força a articulação da base do dedão.

Nesses casos, a pele da região pode ficar dolorida e com vermelhidão. Para muitos especialistas, a utilização de calçados estreitos e apertados pode ser uma das causas do problema ou pode piorar o quadro.

Há a possibilidade ainda do joanete se desenvolver como efeito de uma deformidade, do formato do pé ou de uma doença, como a artrite. Alguns tipos de joanetes no pé são menores e podem se formar em outras articulações, como no dedinho.

Quais são os sintomas?

O joanete pode ter sintomas, como:

  • Relevo ósseo na parte de fora da base do pé e na articulação do dedão

  • Dor, vermelhidão ou inchaço no entorno da articulação do dedão

  • Pele vermelha e espessa ao longo da borda interna na base do dedão do pé

  • Fortes dores na articulação (a pressão dos sapatos piora o quadro)

  • Limitações de movimento do dedão

  • Dedão do pé voltado para os outros dedos (em alguns casos, ele pode cruzar o segundo dedo)

  • Calos e calosidades se formam na área em que o primeiro e o segundo dedos se encontram

  • Dificuldade em usar calçados normais

  • Dificuldade para encontrar calçados que sirvam ou que não lhe causem dor

Lembre-se que o joanete deve ser avaliado por um ortopedista ou fisioterapeuta, para ser indicado um tratamento adequado.

O que causa joanete?

Apesar de existirem diversas teorias sobre como os joanetes se formam, a causa exata não é totalmente conhecida, os principais fatores incluem:

  • Histórico familiar

  • Malformações no pé

  • Traumas, lesões ou estresse nos pés

  • Algumas deformidades nos pés presentes desde o nascimento

  • Uso de sapatos apertados

Mulheres são mais propensas a desenvolverem joanete do que os homens devido ao uso prolongado de salto alto, mas não há um acordo entre os especialistas sobre se sapatos de salto alto, muito estreitos ou apertados resultam na condição, ou se eles simplesmente contribuem para a gravidade dos sintomas.

Esses relevos ósseos podem estar associados a algumas variedades de artrite, especialmente as inflamatórias. À medida que o inchaço dos pés piora, a condição pode se tornar mais dolorosa.

Além disso, o problema pode ocorrer em várias pessoas da mesma família, de maneira hereditária. Quem nasce com alinhamento anormal dos ossos dos pés é mais propenso a formar um joanete.

Quando consultar um médico?

Afinal, joanete tem cura? Como tratar joanete?

Apesar da condição não exigir uma terapia específica, a pessoa deve consultar um médico ou um especialista para cuidar de problemas nos pés, um podólogo ou ortopedista se tiver com:

  • Dor contínua no dedão ou no pé inteiro

  • Inchaço notável na articulação do dedão, devido ao joanete inflamado

  • Rigidez ou redução do movimento do dedão, ou do pé

  • Dor que esteja impedindo a pessoa de fazer suas atividades normais

  • Piora, com o joanete doendo e sem alívio pelo repouso

  • Diagnóstico positivo para diabetes (problemas nos pés podem ser mais graves para quem tem diabetes)

  • Algum sinal de infecção (como vermelhidão ou inchaço), especialmente se a pessoa tem diabetes

  • Dificuldade em encontrar calçados que se encaixem de maneira correta devido ao problema

Existem exames para o diagnóstico?

Um clínico geral ou um ortopedista, pode diagnosticar um joanete com a avaliação ou histórico de saúde e familiar. No entanto, uma radiografia do pé pode mostrar um ângulo anormal entre o pé e o dedão. Em alguns casos, a artrite também consegue ser verificada na radiografia ou o médico pode solicitar outros exames específicos para identificar a doença, como um hemograma ou teste de anticorpos.

Fatores de risco

Os seguintes fatores podem aumentar o risco de uma pessoa apresentar o joanete:

  • Artrite reumatoide
    Essa condição inflamatória pode tornar a pessoa mais propensa a ter joanetes.

  • Caráter hereditário
    A predisposição à formação de joanetes pode estar relacionada a questões hereditárias, como a anatomia e estrutura dos pés.

Possíveis complicações

Os joanetes têm como complicações:

  • Bursite Quando existe inflamação nas almofadas que amortecem os ossos próximos às articulações e estão repletas de líquido.

  • Metatarsalgia Esta condição causa inchaço e dor na planta do pé.

  • Dedo do pé em martelo Curvatura que pode ocorrer na articulação do meio de um dos dedos do pé. Em geral, no dedinho ao lado do dedão, causando pressão e dor.

Dá para prevenir joanete?

Para prevenir complicações dos joanetes, a pessoa deve escolher seus calçados com atenção. É recomendável que eles não possuam os dedos pontudos e tenham um bico largo.

Também deve existir espaço entre a ponta do sapato e a ponta do dedo mais longo. Os calçados devem ser adequados ao formato dos pés, não pressionando ou apertando qualquer parte deles.

Existe tratamento para joanete?

O tratamento deve ocorrer quando o problema começa a se desenvolver. Como forma de tratamento, a pessoa deve:

  • Buscar orientação médica para evitar sintomas relacionados

  • Usar sapatos confortáveis para evitar sobrepor outras condições relacionadas ao uso de calçados inadequados

  • Segurar uma bolsa de gelo embrulhada em uma toalha no joanete por até 5 minutos

  • Controlar o sobrepeso

  • Fazer atividade física regular conforme orientação médica

  • A fisioterapia pode ser recomendada pelo ortopedista para aliviar a dor e o inchaço

  • O médico pode receitar anti-inflamatórios, analgésicos ou corticoides em alguns casos.

Joanete precisa de cirurgia?

Para joanete, a cirurgia costuma ser considerada um último recurso. Um procedimento cirúrgico costuma ser reservado para pessoas com joanetes dolorosos ou quando a deformidade está impactando negativamente a vida dela.

A cirurgia também pode ser indicada se a condição estiver causando problemas crônicos, como feridas ou complicações secundárias, como patologia do dedo do pé menor ou metatarsalgia (dor que atinge a região anterior do pé). Os riscos e benefícios devem ser cuidadosamente considerados antes de qualquer cirurgia para um joanete.

No entanto, se o joanete piorar e ficar mais doloroso, há possibilidades de um procedimento cirúrgico para melhorar a situação. A cirurgia realinha o dedo do pé e remove o relevo ósseo.

No pós-operatório, é preciso repousar os pés pelo máximo de tempo possível, evitar dirigir e a prática de esportes por algumas semanas. A fisioterapia pode auxiliar na recuperação pós-cirúrgica, pois depois da operação:

  • Os dedos dos pés podem estar mais rígidos ou mais fracos do que antes

  • Podem não ser perfeitamente retos

  • Os pés ainda podem estar um pouco largos, então a pessoa provavelmente terá que continuar usando sapatos largos e confortáveis

  • Os joanetes às vezes voltam após a cirurgia

Existem diversas cirurgias diferentes para tratar esta condição. Porém, é preciso considerar que pode demorar um pouco para que o paciente se recupere de um procedimento desse tipo.

Na Vale Saúde, você encontra ortopedistas especializados que podem te ajudar a seguir o tratamento adequado para o seu caso.
Saiba mais sobre aqui no nosso site.

Assine e agende uma consulta

Escolha uma assinatura ideal para você e agende sua consulta agora:

Especialistas mais indicados para o tratamento

Radiologista

Tire suas dúvidas sobre a Vale Saúde na nossa central de ajuda

Vale Saúde - Logomarca
Vivo - Logomarca

A Vale Saúde é uma assinatura e não um plano de saúde.

*Valores de referência em SP Capital, podem variar dependendo do prestador e região do país, mas o preço exato será informado na solicitação de orçamento e agendamento. Os serviços de saúde são de inteira responsabilidade dos prestadores, sendo a Vale Saúde apenas meio de pagamento e plataforma que conecta o usuário com a rede credenciada. Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Copyright © 2022-2023 Vale Saúde. Todos os direitos reservados. CNPJ: 14.336.330/0001-67 | Av. Engenheiro Luis Carlos Berrini, 1.376 - Cidade Monções 04.571-936 – São Paulo/SP – Brasil